Laxogenin 100 60ct.  Hi-tech

A laxogenina é um esteróide derivado de plantas que é extremamente anabólico e pode reduzir o cortisol, que é um hormônio do estresse muito poderoso e negativo. Hi-Tech Laxogenin 100 aumenta sua taxa de recuperação e aumentará drasticamente a força, o tamanho e a dureza.

SKU: 2294-hitech
Avise-me quando este produto voltar ao estoque

Disponível: Sem estoque

12x de R$16,54

R$164,70
Detalhes

Laxogenin 100 da Hi-Tech Pharmaceuticals é um esteróide não hormonal que provou ter efeitos anabólicos no organismo. Laxogenin 100 é derivado de plantas, portanto, não irá interferir com o seu rácio de testosterona em estrogénio. Isso significa que homens e mulheres podem tomar laxogenina 100 e sentir os benefícios. Durante o ciclo de 4 semanas, pode esperar uma recuperação mais rápida, um aumento da força, massa muscular e plenitude muscular; tudo sem a necessidade de um PCT.

A 5a-Hydroxy Laxogenin foi descoberta em 1996 e demonstrou ter uma proporção anabólica/androgênica semelhante aos melhores anabolizantes, mas sem os efeitos colaterais da toxicidade hepática ou testes positivos para terapia com esteróides. Atletas afirmam ter visto aumentos de força em 3-5 dias e aumentos de massa muscular em 3-4 semanas. Testes de laboratório mostraram que a síntese de proteínas aumentou mais de 200%, a chave para o crescimento muscular magro e reparo acelerado. Nos testes, a 5a-Hydroxy Laxogenin tem uma resposta de cortisol equilibrada, que é a principal pedra angular para uma recuperação saudável e redução da perda de massa muscular.

Benefícios

■ Desenvole músculos;
■ Melhora o desempenho atlético;
■ Promove a síntese proteica;
■ Aumento da força;
■ Recuperação muscular rápida.

Como tomar

Tome 01 tabs de 12/12 horas (02 tabs por dia)

Composição

5-Alpha-Hydroxy-Laxogenin – 100mg

Outros ingredientes

Celulose microcristalina, fosfatidilcolina 75%, hidroxibeta ciclodextrina, fitosterol, ácido esteárico, estearato de magnésio, amido, sílica.

Informação Adicional
Peso (Kg) 0.0851
Queremos saber sua opinião

Apenas usuários registrados podem comentar. Por favor, identifique-se ou cadastre-se